Secretaria de Saúde do Estado monta laboratório em Itabela por causa do surto de malária

Secretaria de Saúde do Estado monta laboratório em Itabela por causa do surto de malária
Foto: Reprodução

A Secretaria de Saúde do Estado (Sesab) montou um mini laboratório em Itabela por causa do surto de malária que atinge o município. O objetivo é agilizar o resultado dos exames que comprovam a doença. Até esta quarta-feira (7), 35 casos da doença foram registrados na cidade, e outro em Porto Seguro, na mesma região.

Cerca de 163 lâminas foram coletadas no assentamento rural Margarida Alves, onde os primeiros casos da doença foram registrados, no início desse mês. Desse total, 60 foram analisadas.

Antes da instalação do laboratório, o material era enviado ao Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen), em Salvador e agora pode ser visto no próprio município.

Na manhã desta quarta, técnicos da Sesab, da Secretaria Municipal de Saúde de Itabela e equipes do Ministério da Saúde participaram de uma reunião virtual para avaliar as medidas tomadas para o controle da malária na região.

A malária é uma doença infecciosa causada por um protozoário que se instala no fígado e se espalha pelo organismo causando palidez, calafrios, febre de 40º ou mais e dores no corpo, podendo levar à morte.

Da redação, com informações da Rede Bahia.